Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O nosso blog abre um canal onde o internauta poderá participar sugerindo publicação. Enviando fotos

Traduza para seu idioma

Visitas internacionais

Free counters!

Seguidores

Camburão da Alegria

Policiais fazem o passo na avenida

Camburão da Alegria desfilou ontem pela 19ª em Boa Viagem, arrastando PMs e foliões


A despedida da festa de Momo no Recife seguiu o ritmo do frevo e de mais dez trios elétricos nas areias de Boa Viagem, na tarde de ontem. Na 19ª edição do Camburão da Alegria, não foram só os policiais que caíram na folia. Moradores da Zona Sul também participaram da festa. Apesar da animação, brigas também fizeram parte da folia e a demora dos trios foi criticada pelos foliões.


Após passar o carnaval garantindo a segurança da população, hora da diversão Foto: Júlio Jacobina/DP/D.A Press
Nos três quilômetros do percurso, rostos pintados, foliões fantasiados, calor e cerveja deram o tom da festa. Nas palavras do cabo da PM João Alves da Silva Neto, 50, o carnaval só começou agora. Com frevo no pé, ele aproveitou em um só dia tudo o que não pôde na última semana. ´Trabalhamos para garantir a segurança da população no carnaval. Chegou a vez da nossa festa`, comentou, animado, o policial. Quem também não perdeu tempo durante o desfile dos trios foi o tenente Wilson Alves de Lima, 56. Mesmo reformado ele não perde uma edição do Camburão. ´Parei de trabalhar há muito tempo, mas não deixo de comparecer. A festa sempre foi boa e se tem problemas, a gente resolve`.

Com o grande número de foliões, as brigas também fizeram parte do desfile. Confusões isoladas e sem gravidades foram rapidamente controladas pelos agentes que não estavam na avenida para brincadeira. A atuação de 633 policiais no trecho do desfile garantiram a tranquilidade do comerciante Zenildo Ferreira da Silva, 68, morador de Boa Viagem, que lamentou os incidentes causados pelos que tentaram acabar com o brilho do último dia de festa. ´Ainda tem muita gente que não vem para brincar, vem para arrumar confusão. É uma pena`, disse.

De acordo com o comandante do 19º Batalhão, coronel João Neto, os problemas registrados foram relacionados a bebida. ´Não tivemos nenhuma ocorrência grave e ninguém foi preso. Tivemos alguns pequenos desentendimentos entre pessoas embriagadas`, disse.

Outra crítica foi em razão do distanciamento entre os trios elétricos e a demora para a saída - o desfile atrasou mais de duas horas. Imprevistos que fizeram muitos foliões perderem o fôlego. ´Os trios demoram muito a passar. Espero que no próximo ano os organizadores resolvam esse problema`, disse a funcionária pública Aurinete dos Santos, 60. (Adaíra Sene).

fonte

0 comentários: