Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O nosso blog abre um canal onde o internauta poderá participar sugerindo publicação. Enviando fotos

Traduza para seu idioma

Visitas internacionais

Free counters!

Seguidores

Gomes elogia Juninho

Gomes elogia Juninho e diz que ele poderia até estrear já neste domingo
 

Primeiro jogo do Reizinho, no entanto, deve ser contra o Corinthians, dia 6 de julho, apesar de a partida ser em São Paulo, longe da torcida vascaína

Por Fred Huber Rio de Janeiro
 juninho pernambucano treino do vasco (Foto:  Alexandre Loureiro / FOTOCOM.NET   )
Juninho está ansioso para entrar em campo de
novo (Foto: Alexandre Loureiro / FOTOCOM.NET )
A boa condição física de Juninho, que tem se destacado nos treinos, é motivo de grande animação em São Januário. Nos testes feitos pela comissão técnica do Vasco, o Reizinho, de 36 anos, está perto da média do restante do elenco. O técnico Ricardo Gomes é um dos mais ansiosos para ter logo o camisa 8 em campo. O comandante acredita que o meia, inclusive, teria condições de estar em campo já neste domingo, às 18h30m (de Brasília), contra o Atlético-GO, no Serra Dourada.
Juninho, no entanto, só poderá ser regularizado a partir do dia 1 de julho, quando seu contrato com o Vasco começa a valer. Gomes garantiu que não terá que quebrar a cabeça para encaixá-lo no time.
- Ele está bem próximo da média do grupo. Se tivesse que estrear no domingo, estaria pronto. Um jogador com o conhecimento dele consegue superar isso. Não estou pensando ainda (onde ele irá entrar), mas não será uma grande dificuldade. Depois, teremos a parte do entrosamento.
O técnico não acredita que o fato de ter que barrar um atleta campeão da Copa do Brasil para escalar Juninho poderá lhe criar um problema.
- Isso é do futebol. O jogador entende esta dinâmica. Temos que conquistar mais coisas, estar mais fortes.
Ao que tudo indica, Juninho fará sua estreia no jogo contra o Corinthians, dia 6, no Pacaembu. Ricardo Gomes garantiu que não existe a "obrigação" de o camisa 8 fazer sua primeira partida dentro de casa.
- Não existe este planejamento ainda. Não calhou de ser em São Januário, não temos porque forçar uma barra. Pode ser até que a gente decida que é melhor segurar um pouquinho mais, mas não por causa de estádio. Acho que o Juninho ficaria louco de esperar mais.

 fonte

0 comentários: