Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O nosso blog abre um canal onde o internauta poderá participar sugerindo publicação. Enviando fotos

Traduza para seu idioma

Visitas internacionais

Free counters!

Seguidores

O dia chegou a partida decisiva

Terni Castro
O dia chegou e dois fortes escretes lutarão acirradamente para sair de campo com o triunfo. Hoje, às 15h, as equipes de futebol feminino do Vitória e do Sport se encontram para o confronto derradeiro do Campeonato Pernambucano.  Depois de uma mudança no calendário - devido ao confronto entre Brasil e Paraguai pelas quartas de final da Copa América, na Argentina - , a partida decisiva, que estava marcada para amanhã, foi antecipada para esta tarde, no Estádio Carneirão, em Vitória de Santo Antão.

 
 

O embate entre leoninas e taboquitas colocará frente a frente dois escretes na luta direta por conquistas significativas. Enquanto as rubro-negras brigarão pelo hexacampeonato da competição - o Sport já venceu as edições de 1999, 2000, 2007, 2008 e 2009 -, as tricolores querem garantir o bicampeonato estadual, um feito inédito para uma equipe fora da capital. Além dis­so, a rivalidade é mútua, já que, na última edição do campeonato, Sport e Vitória disputaram a finalíssima. Quem se deu melhor foi o Tricolor das Tabocas, que conquistou o título de 2010.

Na disputa desta tarde, as taboquitas saem na frente. Isso porque na partida de ida, na Ilha do retiro, no último domingo, as tricolores aplicaram um 4x0 para cima das leoninas. Jogando em seus domínios, basta apenas um empate para que o Vitória saia de campo dando a volta olímpica do bicampeonato. Para as rubro-negras, o desafio é mais difícil na luta pelo hexa. O Sport tem de vencer por uma diferença de quatro gols, mas se a partida terminar 4x0, a decisão do campeão pernambucano de 2011 sairá nos pênaltis.

Para tentar alcançar essa façanha, as rubro-negras contam com a experiência e habilidade de algumas peças. Uma delas é a meia-atacante Dilany, que compôs o meio-campo pernambucano no amistoso diante da seleção brasileira, no último mês. Entretanto, as taboquitas têm a seu favor a artilharia pesada de Ketlen e Lili Bala, que, juntas, marcaram três dos quatro gols do time na primeira partida da final.

 

Esportes

FONTE

0 comentários: