Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O nosso blog abre um canal onde o internauta poderá participar sugerindo publicação. Enviando fotos

Traduza para seu idioma

Visitas internacionais

Free counters!

Seguidores

Prefeito de Vitória de Santo Antão contesta informações

 Esclarecimento » Prefeito de Vitória de Santo Antão contesta informações  
Prefeitura da Vitória de Santo Antão é atingida por disparos de ... | http://www.avozdavitoria.com/n...

Por meio de uma nota de esclarecimento, o prefeito de Vitória de Santo Antão, Elias Lira (PSD), deu a sua versão dos fatos a respeito da matéria veiculada pelo Diario no último dia 30, apontando irregularidades na folha de pagamento da prefeitura, como a contratação de funcionários fantasmas. A reportagem se baseou em informações divulgadas no último diagnóstico do Tribunal de Contas do Estado (TCE). "É indispensável esclarecer que, tão logo assumi a gestão do município determinei, respaldado em denúncia anônima, a realização de uma auditoria para apurar as possíveis irregularidades", comunicou.
 
Confira a matéria 
Diagnóstico do TCE denuncia contratação de funcionários fantasmas
O gestor frisou que, ao assumir a gestão em 2009, sanou as denúncias no pagamento de oito funcionários fantasmas, apresentados pela matéria. "Foram interrompidos, preventivamente, todos os pagamentos indevidos que estavam sendo realizados desde 2007, na gestão anterior", destacou o prefeito, passando a bola para seu antecessor no cargo.
 
Elias Lira também informou que não há problemas, também, com as denúncias de 44 funcionários contratados que residem em outros estados. Segundo ele, existe apenas um funcionário nestas condições. Já em relação aos professores, que estariam recebendo os salários abaixo do teto nacional, ele foi enfático. "A atual gestão só manteve as regras anteriormente estabelecidas por lei na gestão anterior. Todos os lançamentos  apontados pela auditoria tratam de professores cuja carga horária não é superior ao limite mínimo para o enquadramento do pagamento do piso", completou.
O prefeito desconheceu, também, outras irregularidades, como servidores que recebiam menos que um salário mínimo, servidores com idade acima dos 70 anos, servidores acima de 90 anos ou abaixo dos 18. O gestor desconheceu, ainda, os contratados em período eleitoral, funcionários com CPF's inexistentes os casos dos funcionários que recebiam mais de R$ 33 mil (teto do funcionalismo público) e de mais de 3 mil servidores que teriam acúmulo de mais de um cargo no município. "A denúncia não condiz com a realidade", arrematou Elias.


 fonte do artigo link 
 
Acesse   nosso produto mo mercado livre
http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_72868258

0 comentários: