Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O nosso blog abre um canal onde o internauta poderá participar sugerindo publicação. Enviando fotos

Traduza para seu idioma

Visitas internacionais

Free counters!

Seguidores

A HISTORIA DA IMPRENSA DE PERNAMBUCO NA CIDADE DE POMBOS


LUIZ DO NASCIMENTO

Nasceu em Gravata, Pernambuco, no dia 15.12.1903. Fixando
residencia em Recife, na decada de 20, fez seu campo de
aprendizado "o batente do jornal", onde foi tipografo, impressor,
ate consagrar-se como jornalista profissional.
Trabalhou para varios jornais interioranos e da capital.
Foi funcionario da Delegacia Regional do Ministerio da Justiça,
sendo transferido, mais tarde, para o Departamento de Extensao
Cultural, da UFPE. Tornou-se membro do Instituto Arqueologico,
Historico e Geografico Pernambucano, da Academia Pernambucana
de Letras e fundador e associado de outras entidades
culturais. Colaborador e correspondente de inumeros jornais e
entidades literarias interioranas.
Um dos socios fundadores e diretor do Sindicato dos
Jornalistas Profissionais do Recife. Participou de congressos e
conferencias de jornalismo em Pernambuco c varios outros estados
do Brasil.
Em 1952, iniciou suas pesquisas para confec9ao da "'Historia
da Imprensa de Pernambuco", que abrange o periodo de
1821 a 1954, - freqiientando a Biblioteca Publica do Estado e
demais bibliotecas, arquivos pernambucanos e arquivos de inumeras
cidades interioranas, acervos da Biblioteca Nacional e,
entre outras, as dos Estados de Sao Paulo. Belo Horizonte,
Salvador, Aracaju, Maceio, Joao Pessoa, Fortaleza e Manaus,
num imenso trabalho solitario, sem ajuda, nem ajudante.
Deixou inumeros trabalhos publicados e recebeu honrarias
e galardoes do mais alto merito.
Faleceu em 14.11.74, deixando varios livros a publicar
inclusive 6 volumes desta notavel obra cuja edicao tinha sido
interrompida no 8"^ volume, em 1982.
vamos adicionar  vários  artigos das cidade de Vitória,Gravatá,Pombos,Escada,
primavera, Chá Grande,Chá de Alegria,Gloria do Goitá


                    REVISTA DE POMBOS
Inexistentes comprovantes, noticiou O^ Caruaruense,
ediçao de 2 de agosto de 1902, haver
recebido o n°. 2 do "pequeno periodico", primeiro
a publicar-se na localidade. Era "bem escrito"
e prometia "ter longa vida".
BOA NOVA
Circulou o n°. 1, ano I, no dia 18 de Janeiro
de 1950, em formato 24 x 16, com quatro paginas
a tres colunas de composi9ao. Imprimiu-se
na Tip. Vitoriense, em Vitoria de Santo Antao,
utilizando papel verde.
Ediçao organizada por Pedro Ramalho Fi-
Iho, constituiu uma homenagem a padroeira da
paroquia, N. S . dos Impossiveis, na data magna
de sua festa anual.
( I ) E x - d i s t r i t o do municipio da Vitoria de Santo Antão.

link

0 comentários: