Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

O nosso blog abre um canal onde o internauta poderá participar sugerindo publicação. Enviando fotos

Traduza para seu idioma

Visitas internacionais

Free counters!

Seguidores

Rodoviários paralisam atividades entre 4h e 8h e realizam caminhada às 14h no Centro


Duas paralisações de ônibus irão ocorrer nesta segunda-feira (25), após decisão tomada durante a Assembleia Geral dos Rodoviários, que aconteceu neste domingo (24), na Avenida Gervásio Pires, Área Central da cidade. Cerca de 200 profissionais compareceram a reunião e votaram a favor da medida, após a revogação do aumento salarial de 10% concedido durante a campanha salarial, em julho deste ano.

Durante o período do início da manhã desta segunda, os ônibus devem permanecer na garagem das 4h às 8h - as linhas bacurau devem funcionar normalmente nesta madrugada. Após esse horário, os motoristas pretendem retornar ao trabalho com a frota normal, parando novamente das 14h às 16h para uma caminhada que sai da Praça Oswaldo Cruz, até a Praça do Diário, no Centro do Recife.

Não foi descartada a possibilidade de greve, porém apenas um pequeno grupo de profissionais se mostrou a favor da ideia, que deve ser discutida novamente na próxima quarta-feira (27).

Entenda o caso

Uma liminar com a anulação do reajuste foi expedida por um desembargador do Tribunal Superior do Trabalho (TST) na última quarta-feira (20). Na decisão, que é temporária, o encaminhamento dado pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) a respeito do dissídio coletivo dos rodoviários foi invalidado.

O ministro do TST, Barros Levenhagen, sustou a concessão do aumento na remuneração 10% e manteve o de 6%, por entender que o reajuste foi fora dos limites do poder normativo da Justiça do Trabalho. A suspensão se manterá em vigor até o julgamento do processo pela Seção de Dissídios Coletivos do TST, ainda sem data definida.

Segundo o procurador geral do trabalho, José Laízio, que participou das negociações no período da greve em julho, uma comissão do TRT já entrou em contato com a Procuradoria Geral em Brasília para pedir celeridade no julgamento do recurso.
 link

0 comentários: